[Relato] Cretinice feminina que me deixou puto hoje

Por JoshHarvey



Fui num condomínio encontrar uns amigos, no carro de um brother meu. Ele chegou aqui em casa para me buscar umas 19:30, veio com a namorada, e disse que ia levar ela em um outro condomínio (onde estava rolando uma festinha entre as amigas dela), e que depois seguiria para o condomínio que nós iríamos inicialmente. 

O condomínio das amigas da namorada do cara era longe pra caralho, na puta que pariu mesmo. O cara deixou a mina lá, e seguiu pro nosso destino. 

Umas três horas depois que a gente chegou, ainda estávamos de papo com os brothers de lá, a mulher liga querendo que o cara vá buscar ela, que ela quer ir embora. O cara tenta convencer a mulher a ficar mais um pouco, pois ele não queria ir embora naquele momento. A mulher começa a gritar pelo cel, dá uma pagação no cara, e exige que ele não demore, pois ela quer ir embora. 

Então eles acertam para que ele vá embora buscá-la depois de mais 30 minutos. 

O tempo passa e o cara me chama pra ir embora, eu, como estava de carona, tive que adiantar o meu lado com ele, já puto em ter que ir até o quinto dos infernos pegar a mina com ele. 

Quando a gente chega no condomínio, o porteiro avisa que a mina tinha ido para outro condomínio, na casa de outra amiga, e que era pra ele ir buscar ela lá. E ela nem ligou pra avisar o cara! O cara deu uma viagem do caralho perdida, sendo que ele poderia ter ido diretamente para o condomínio onde ela tinha se dirigido também. 

O cara então se dirige para o outro condomínio, do outro lado da cidade, pega a cretina, que passou o percurso inteiro com cara de cú dentro do carro, e me deixa em casa. Quando eu bato a porta do carro, já começo a ouvir o bate boca, ao mesmo tempo em que ele acelera e vai embora. 

Eu nem falei nada, fiquei na minha o tempo todo. O cara é amigo de infância, é advogado, já me fez vários favores profissionais sem cobrar porra nenhuma, conhece a minha família e eu conheço a dele, enfim, é brother mesmo. Não quis correr o risco de meter umas reais na fuça dele e ele ficar puto comigo e a amizade se enfraquecer ou mesmo ser destruída.

Mesmo assim fico puto. Não sei se vou aguentar testemunhar outra situação parecida e não vomitar uma avalanche de reais na cara dele.

2 comentários:

  1. Já passei por uma situação parecida: Mandar a Real no amigo ou não?

    Mande os livro do Nessahan Alita para o e-mail dele e pede para dar uma olhada. Se ele desenvolver o assunto, vc pode jogar umas Reais nele. É foda ver amigos manginas.

    ResponderExcluir
  2. Quando ela começasse a gritar, já ia imediatamente fazer ela pegar o onibus como punição. E se ela cedesse em ficar mais ate o meu "papo" com os amigos acabar, mesmo assim não iria buscar pela punição e por antimanipulação por ela pode querer vingar-se fazendo eu ir até lá buscá-la e ela ja ter ido embora.

    ResponderExcluir