Pergunta: mulher se apaixona?

Dúvida respondida pelo Sr. X



Eu queria levantar essa questão e ouvir a opinião dos confrades. 

No meu entender, até onde consegui absorver do material aqui disponível, isso não acontece, não é da natureza delas se apegar e colocar alguém (e suas vontades) além dela como prioridade em sua vida.

Não tenho muita convivência pra ter exemplos. O melhor caso que tenho vem da minha bruxa madrinha. Um dia espero deixar meu relato completo por aqui mas adianto neste momento um pedaço porque tem haver com o tema. 

Havia um momento no meu relacionamento com minha então futura BM (relacionamento esse não amoroso e também não exatamente um miguxo) em que eu tentei visitá-la diversas vezes. 

Antes éramos vizinhos e morávamos "lado a lado". Havíamos começado a interagir mais um com o outro nos últimos 3 meses.

Para cada indicação minha e pedido de permissão pra visitá-la havia um desculpa. No começo as desculpas eram razoáveis e eu tinha meios de atestar a indisponibilidade dela. 

Até que chegou um momento em que não havia mais sentido e as desculpas se tornaram bobas e ela nem fazia questão de manter a mentira. 

Tempos depois (coisa de 2 meses após a minha ultima "investida" - no total ela ficou fora apenas por uns 5 meses), quando ela já estava de volta (nesse meio tempo me mudei mas continuei residindo na cidade) houve um ponto em que não conseguia mais esconder meu apego e ela me informa que não poderíamos ser nada mais que amigos.

Na mesma conversa ela me confessa então que não queria minha visita porque ela estava dividindo o apartamento onde morava com um grupo de pessoas (como numa república de estudantes) e que estava apaixonada por um dos outros moradores, não querendo então minha presença lá pra não incomodar o romance dela, embora o cara só fodesse com ela e não mostrasse nenhum tipo de afeto em público.

Eu acreditei no momento e aquilo só me fez sentir pior, além de me sentir frustrado pela minha incapacidade de despertar qualquer sentimento por ela descubro que ela era FGTS (quiçá FGTD???) de um carinha que não tinha nenhum tipo de destaque e tava cagando e andando pra ela.

No momento eu acreditei na história e como eu disse, só me sentia pior sabendo disso, sentia pena de mim e dela e de mim por tabela, porque ela preferia então ser brinquedo sexual a estar comigo.

Mas hoje eu me pergunto se as coisas podem ter sido realmente assim e queria ouvir de maneira geral, e apenas não específica a esse caso o que vcs acham.

No relato eu deixarei mais detalhes assim como o antes e o depois desse evento.



Resposta:


Sim, ela se apaixona, mas apenas por alfas desapegados.

Contrário ao que os confrades postaram, elas não se apaixonam por cara rico. Ficam com ele só por interesse mesmo.

Quem desperta real apaixonamento das mulheres são alfas naturais: homens altos, bonitos, fortes, com voz grossa e que não se apegam a mulher nenhuma. São esses caras os únicos capazes de provocar orgasmos reais nas mulheres, e apenas estes conseguem fazer com que elas se apaixonem de verdade.

Infelizmente, a maioria dos homens jamais conseguirá fazer com que uma mulher se apaixone. Terão de se contentar com interesseiras e vadias, que só estão com eles enquanto não aparece um macho melhor.



Por essas e outras que eu digo: Se a mulher disser que não sentiu prazer na hora do sexo, diga PROBLEMA SEU, se vista e vá embora!

Se importar com prazer sexual da mulher, com os sentimentos dela, é perda de tempo. Se tu nasceu alfa, elas vão se apaixonar. Se não, elas não vão se apaixonar. Simples assim.

3 comentários:

  1. Errado.

    Não nasci "alfa", mas com o desenvolvimento pessoal no decorrer de minha vida, me tornei um homem foda de verdade (físico, mental, status, etc), e mulheres já se apaixonaram por mim pra valer, como é o caso de minha atual namorada e futura esposa, que escolhi para estar comigo por preencher todos os meus pré-requisitos para relacionamento e formação de família.

    Força, honra e fé.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acredito que com o desenvolvimento pessoal verdadeiro mesmo, seguido sempre na linha da persistência e dedicação, é possível se tornar um alfa.

      Excluir