Aumentando o seu valor sexual - Parte 2 - Finanças

Saber ganhar dinheiro é uma das características mais básicas para qualquer homem. Um sujeito que não tem formas eficientes de se levantar grana a qualquer momento é um sujeito fraco, vulnerável e limitado. Ao contrário do que o senso comum nos faz acreditar, mulheres NÃO ESTÃO ERRADAS em procurar homens que saibam ganhar dinheiro; ao contrário, é exatamente esta preferência delas o motivo de sermos mais competitivos no mercado.

A geração que está ingressando no mercado de trabalho se trata de um bando de acomodados vitimistas, que pensam que ganhar dinheiro se resume a escolher um jeitinho fácil, se encostar em um emprego que pague muito dinheiro ou fazer um concurso público para mamar nas tetas do governo. Pensam esses imbecis que dinheiro surge do nada, que tudo se resume a receber sem produzir nada em troca; são pessoas desse tipo que caem em golpes do tipo Telex Free; ou que passam a vida queimando dinheiro nas loterias e jogos de azar; que pensam que, realmente, exista uma forma fácil de se ganhar dinheiro.

Grave bem o que eu vou digitar aqui, pequeno gafanhoto: não existem formas fáceis de se ganhar dinheiro. Não é possível ganhar muito dinheiro, sem, antes, oferecer ao mercado algo de que ele precise MUITO, ao ponto de pagar uma quantia enorme em dinheiro para receber o que você está oferecendo. Ficar rico é o prêmio que as pessoas recebem por atenderem a uma necessidade urgente do mercado; se você é incapaz de atender a uma necessidade de mercado, sinto lhe dizer que o seu destino é morrer na miséria, contando moedinhas para quitar as contas do mês, e pagando juros no cheque especial.

Independente de você escolher entre fazer carreira em uma empresa grande, fazer um curso técnico ou abrir seu próprio negócio, você deve ter em mente que cabe a você compreender o que o mercado está precisando naquele momento, o que você pode fazer para atender a essa necessidade e como você pode tirar proveito a nível financeiro. Não adianta reclamar, dizer que o mercado está fazendo exigências surreais, que é difícil, porque o mercado não liga a mínima se é difícil, se é fácil, se a solução existe ou se você vai ter que inventar uma solução; o mercado quer o problema dele resolvido, e acabou! Quem conseguir resolver o problema dele será premiado; os outros chuparão dedo!

Se você escolher fazer carreira em uma empresa GRANDE (empresas de fundo de quintal não oferecem futuro!), saiba que a empresa quer VENDER! Ela precisa vender muito para se manter em pé, porque, se não vender, o concorrente a engole. Ela quer funcionários que a ajudem a espalhar o seu produto, conquistar clientes e esmagar a concorrência com qualidade superior. Aqueles funcionários que se alinharem à estratégia da empresa e forem capazes de incentivar outros funcionários a fazer o mesmo serão premiados; não porque a empresa é bondosa (ela não liga a mínima para os funcionários, animal!). Ela só irá premiar estes funcionários, porque ela PRECISA segurá-los! Funcionários bons, nessa geração de vitimistas preguiçosos, são difíceis de segurar; se ela não der um jeito de segurá-los, a concorrência vai atraí-los, ela vai ficar só com funcionários ruins e vai se fuder!

Se você escolher fazer um curso, seja técnico ou faculdade, escolha um que, ao mesmo tempo, seja necessário e que pouca gente esteja disposta a fazer. Na real, o mercado está entupido de gente formada em Direito. O que mais tem por aí é advogado cuzão ganhando R$1200 por mês (quando ganha) e vendendo cachorro quente por fora para manter as contas. Tu vai procurar um curso que todo mundo está fazendo? Vai fazer uma idiotice desse tamanho? Caralho, tu vai tomar muito no cu se seguir a manada! Procure um curso foda que seja requisitado e que pouca gente faz! 

Por último, se vai iniciar um negócio, então procure um que atenda a necessidades básicas: comida, roupa, carro, computador, sei lá! Dá uma olhada na sua cidade, veja o que ninguém está oferecendo e tenta ganhar dinheiro por aí. Ou, ainda, veja o que o pessoal está oferecendo com qualidade RUIM, e esmague-os oferecendo o MESMO SERVIÇO com QUALIDADE SUPERIOR. Acredite: pessoas ricas estão dispostas a pagar mais pelo mesmo serviço, desde que recebam tratamento diferenciado, serviço feito com qualidade acima da média e produtos com design surpreendente. Fazer o dever de casa não é suficiente!



Perceba que, independente do que você escolher, o que importa é saber o que o mercado está precisando, e tentar cobrir essa necessidade ganhando vantagens em cima! Páre de ficar procurando por mérito, reconhecimento, gratidão. Capitalistas não pensam assim! Capitalistas pensam apenas em pagar mais para quem atender melhor suas necessidades. Capitalistas pagam não por gratidão, mas porque precisam pagar! E só continuarão pagando enquanto estiverem recebendo o que precisam! Aceite essa real, caralho!



Ah, Sr. X, mas eu conheço gente que ganha dinheiro bem fácil, trabalhando pouco e quase não oferecendo nada em troca.



O caralho que exista gente que "ganha" dinheiro fácil! Ninguém "ganha" dinheiro! As pessoas apenas SÃO REMUNERADAS por produzirem algo que atendeu às necessidades de outras pessoas!

Se alguém recebe dinheiro não fazendo ABSOLUTAMENTE NADA (o que duvido muito), então OUTRAS PESSOAS estão trabalhando, recebendo dinheiro e repassando para ela! No fundo, essa pessoa apenas está desviando recursos de outras pessoas para si; a riqueza dela depende do empobrecimento de outras pessoas!

Ficar rico às custas do empobrecimento alheio é correto, animal? Ganhar sem produzir nada em troca é sustentável? O meu ovo esquerdo! 

Imagine se todo mundo começasse a pensar em ganhar dinheiro às custas dos outros! De onde sairia tanto dinheiro para sustentar todo mundo? E outra: quem iria produzir os alimentos? As roupas? Os imóveis? Carros? Computadores? Eletrodomésticos? Água, luz e telefone??? Impossível! Alguém vai ter que produzir essas coisas e ser remunerado!

Se você ganha dinheiro sem produzir nada, mesmo que você negue, significa que você está ROUBANDO de alguém para se manter! Alguém foi prejudicado por você! Você é tão ladrão como um assaltante qualquer! Talvez, você é até pior que um ladrão, já que, para roubar, ele teve de comprar uma arma (o que beneficiou quem produziu e quem vendeu a arma e a munição)! Já você não beneficiou ninguém; apenas sugou!



PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL



Ganhar muito dinheiro é importante, mas não é tudo. Se você ganha R$ 50 mil por mês, mas gasta R$ 60 mil, então você continua sendo tão bosta quanto aquele fulano que ganha menos de R$ 10 mil; talvez, se ele sabe gerenciar o dinheiro que ganha, ele seja até melhor que você, mesmo ganhando menos!

Esta geração, além de ser preguiçosa pra caralho e não produzir porra nenhuma, ainda é voltada para o consumo exagerado. Querem andar de roupinha nova o tempo todo, carro financiado pra pagar em duas vidas, tênis da NAIQUE, celular com trocentas funções que ele nem sabe direito pra que servem; enquanto isso, vive no cheque especial, pegando dinheiro com agiota, não tem um centavo furado no bolso e o futuro está entregue nas mãos do INSS!

PORRA! Eu já falei aqui que roupa de marca não te deixa mais alfa! E, aqui, já falei que tu tem que juntar dinheiro e comprar teu carro à vista! 

Porém, mais importante que essas dicas, a partir de agora, adote a seguinte política em suas finanças: 


De tudo que você receber, separe 20% para poupar ou investir!



20%??? Pô, Sr. X, não me sobra nem pra pagar as contas! Como vou separar 20%?



Simples! Quando receber dinheiro, primeiro, separa os 20%; depois, se vira com o que sobrar!



Vou te mandar uma real aqui: 


imagina que, da noite para o dia, tu PERCA O EMPREGO! Ou, então, a tua empresa quebra! E aí? Agora, tu não vai ter que se virar com 80%! Tu vai ter que se virar com ZERO!

Tu vai morrer, por acaso? Vai passar fome? O caralho! Tu vai se virar do avesso pra segurar o tranco! Pode até pensar que não (sou um bostinha sem o meu emprego), mas, na hora do vamo pra capar, o ser humano tira forças de onde nem imagina pra sair de uma enrascada financeira: vai vender pipoca, cachorro quente, roupa, vai carpir lote, pintar parede, sei lá!







Então, antes de começar a torrar seu dinheiro, separa a porra dos 20%!

Separar como??

Não caia na armadilha de guardar em poupança! Nem CDB, muito menos fundos de "investimento"! Colocar seu dinheiro nessas merdas vai deixar o banco mais rico, enquanto tu se fode, vendo a inflação corroer seus "rendimentos"! 

Ao invés disso, compre ações! Invista em fundos imobiliários! O Barão, do Canal do Búfalo, tem umas dicas interessantes para quem quer entrar neste mercado. Confere lá!

Ou, então, invista em um negócio próprio, que irá gerar ainda mais dinheiro!

O que importa é pensar em formas de transformar esse dinheiro em MAIS DINHEIRO. "Investir" significa isso: usar dinheiro pra gerar dinheiro!



Chegamos aqui ao segundo artigo da série Aumentando o seu valor sexual. Fiz uma abordagem superficial, até porque o assunto finanças é interminável, e cada um vai adequar as orientações à sua realidade.

Tão importante quanto seguir as dicas acima, aprenda a manter a sua motivação elevada. De nada adianta tentar seguir um monte de dicas fodas se você é um desmotivado que não tem ânimo para nada. Diria eu até que motivação vai fazer 90% do trabalho, enquanto o conhecimento acima vai te ajudar em uns 10%.

Agora, trate de levantar a bunda da cadeira, e vá levantar dinheiro!

16 comentários:

  1. Adorei, muito bom!! Obrigado pelo post.

    ResponderExcluir
  2. Mais um texto otimo do Sr X. Aguardo a proxima edição. Eu vou começar a investir no mercado quando conseguir um novo trampo. Isso ja ja acontece pq to sendo chamado a pelo menos 1 entrevista por semana. ja ja volto a ativa. Ai sim, é investir. Enquanto isso, vou dando uma estudada nessas dicas do barão.

    ResponderExcluir
  3. Sr. X, seus textos são míticos, para mim tu já tem seu nome gravado na história da Real, ao lado de pesos pesados como Silvio, NA, e Doutrina!

    Gostaria de saber mais sobre CDB, qual o melhor tipo e banco para fazer este tipo de investimento?

    Abraços viris!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou eu de novo, não fui muito claro: é que estava lendo seu texto sobre carros, e nele você cita sobre CDB, LCA e FII, poderia falar mais tecnicamente sobre esses investimentos?

      Tenho guardado cerca de 29% do meu salarinho suado e honrado, mas tenho aplicado na poupança, que rende bem pouco.

      Excluir
    2. No momento, estou aplicando em fundos imobiliários. Procure uma corretora, porque aplicar em ações via banco é muito caro.

      Excluir
  4. A parte 1 foi muito boa; mas na segunda defecou pelos dedos.
    Mas parabéns assim mesmo.

    ResponderExcluir
  5. boa mano, tenho seguido as publicações da real e tenho aprendido muito, e, com essa não foi diferente.
    parabéns a todos vocês por ensinarem o que podemos fazer para melhorar.

    ResponderExcluir
  6. Boa muleke , muito boas as dicas gostei . Abraço.

    ResponderExcluir
  7. Sr.X já é lenda como SK e Doutrinador (como disse o confrade acima).

    Sério, agora que li este post, vou mudar o curso que eu iria fazer (não é direito, mas também está bem saturado).

    Chega de comodismo, vou entrar no front e regaçar essa porra!
    No aguardo dos próximos posts.

    PARABÉNS!

    ResponderExcluir
  8. Pecou na parte da poupança.. Quem nao tem a mínima noção de investimento, é aconselhável acumular a grana na poupança, comprar livros e, aos poucos aprender o como funciona o mercado financeiro e investir em ações.

    ResponderExcluir
  9. Sou Estudante de Direito, e apesar de achar o texto muito bom, eu não concordo com o fato de que Direito não dá dinheiro. Isso tá Errado, existe sim um monte de advogado de merda ganhando salários de merda, mas o BOM advogado, que faz uma faculdade BOA (eu faço a UFF), e que se esforça pra kct, não aceitando ser acomodado, ganha dinheiro sim, e pra caralho, eu to na metade do curso e o fato de me esforçar já me rende mais oportunidades do que qualquer advogado de bosta, outra coisa no direito é que não importa se é chato, vc tem que fazer o que dá grana, e eu já garanto por experiência e oportunidade que eu estou tendo, é que hoje o Direito Ambiental com Foco RURAL, tá dandi grana pra caralho, só que têm que ser BOM, QUALIFICADO, ESFORÇADO e BEM CONECTADO, eu tive a sorte de ter essas qualidades, e se têm essas características, eu recomendo fazer o curso de DIREITO, é só não deixar ser alienado por Professores Marxistas de Merda.

    ResponderExcluir
  10. Obrigado por este texto.
    Uma coisa tão simples que vou começar a fazer 20% cara só com isso já vai mudar muito muitas coisas.
    Valeu Confrade.

    ResponderExcluir
  11. Mister X, me tira uma duvida. Numa parte do texto voce disse que se quiser fazer carreira numa empresa, a empresa precisa ser grande. Vamos supor que voce esteja para entrar numa empresa que por dentro não é grande, mas os negocios dela são grandes. Ou seja, o mercado a ve como grande embora ela seja pequena. E essa empresa esteja com vasta possibilidade de expandir os seus negocios dentro de um ano mais ou menos. Pergunto, ela pode ser considerada grande? Ela pode ser usada para obter carreira? Ou seja, da pra investir nessa empresa, mesmo que voce no começo seja igual soldado no quartel (se fode no começo e no mais pra frente vai acalmando)?? Compensa?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acredito que não. A menos que você seja MUITO FODA, ao ponto de conseguir barganhar salários.

      Mas o que ocorre normalmente é que empresas grandes possuem planos de carreira, e é comum ver pessoas subindo de cargo.

      Fazer carreira não é pra qualquer um. Não basta ter boa vontade. Tem que saber o que a empresa quer e tem que ser capaz de oferecer o que ela pede como ninguém.

      Em muitos casos, o que acaba fazendo diferença é ter padrinhos ali dentro.

      Excluir
  12. Só ñ concordo com o q vc falou sobre o curso de Direito, é um otimo curso, com excelentes ganhos, ampla variedade de areas p/ trabalhar e mercado com grande quantidade de vagas.
    O q falta são bons profissionais, levando em conta q somente 10% da população brasileira chega ao ens. superior e q apenas 25% dos alunos q começam o curso de Direto o conclui chega a ser ridiculo falar q o mercado esta saturado.
    Mas tbm ñ nego q há varios profissionais do curso q chegam ao final se arrastando ou nas costas de amigos. Assim qlq profissão remunera mal um profissional ruim u.u

    ResponderExcluir