Liga o foda-se, caralho!

Você descobriu a Real, aprendeu um monte de conceitos fodas sobre o comportamento feminino, masculinidade, desenvolvimento pessoal, e pegou diversos conselhos de caras experientes sobre como lidar com várias situações do dia a dia, desarmando os jogos da namorada e reassumindo o controle da relação.


Passou horas e horas estudando centenas (senão milhares) de posts fuderosos, cada um com uma dica diferente, anotou tudo e, quando pinta aquela situação nova, você tenta lembrar qual conceito se encaixa melhor naquela situação. Meio inseguro, você toma uma atitude, e fica receoso se não se comportou como um capacho, se não polarizou, se não demonstrou submissão, e ficou pensando naquilo por algum tempo.


PORRA! PUTA QUE PARIU! TÁ TUDO ERRADO!


Você, que age conforme o segundo parágrafo acima, está cometendo um erro grave na sua relação: está pensando demais! E pior: fica inseguro na hora de agir com a namorada e, depois, fica pensando se agiu corretamente, se agiu errado, e desperdiça uma energia enorme com todas essas análises infernais!


Puta merda, cara! Você descobriu a Real, descobriu que as mulheres são inseguras por natureza, que buscam, no homem, a segurança que elas não têm em si, e, contrariando todos os conceitos da Real, você fica inseguro na hora de agir? Fica decorando atitudes aqui e ali para, na hora do vamos ver, agir roboticamente com um script decorado? É isso que você considera ser um macho de verdade???

Aprenda uma coisa, pequeno gafanhoto: quanto mais regras você impuser a si mesmo, mais inseguro você ficará! Você irá se martirizar cada vez que cometer um erro, vai ficar planejando exaustivamente cada pequeno passo, e vai passar para a sua namorada/esposa/ficante essa insegurança! Esse é um erro grave na relação, e a consequência desse erro será a sua peguete te considerar um beta.

Isso não significa que, a partir de agora, você pode jogar tudo o que aprendeu no lixo e passar a agir como um retardado. Significa, apenas, que você deve agir, em sua relação, orientado por alguns poucos princípios, ao invés de uma lista interminável de regras. Que princípios seriam esses? Resumindo, esses princípios consistem em rejeitar qualquer situação prejudicial a você, baseado em uma visão utilitarista.

Sua namorada quer te impor uma situação humilhante? Simplesmente rejeite a situação e deixe claro para ela, de forma direta ou por meio de formas indiretas, através de silêncio, brincadeiras ou qualquer outra forma, que isso poderá significar um gelo, ou até o fim da relação!

Homens de verdade não andam com um manual por aí pensando em como lidar com cada situaçãozinha do dia-a-dia. Homens de verdade simplesmente usam o instinto e uma análise fria, baseada apenas no custo-benefício (de forma bem egoísta), para saber se aquela situação é ou não aceitável. Para desespero daqueles caras que buscam fórmulas mágicas para tudo, as melhores soluções serão sempre as mais simples e mais óbvias!

Está lembrado daquele cliente das lojas de roupas, de que eu falei nesse texto aqui? Pois bem: quando a loja de roupas coloca uma situação inaceitável diante do tal cliente (roupas muito caras, ou de péssima qualidade, ou o ambiente da loja está sujo e desorganizado, com layout ruim, ou o vendedor está com cara de cu), ele vai tirar uma lista do bolso para pensar em como agir diante daquela situação? O caralho que ele vai agir assim! Ele, simplesmente, vai mandar aquela loja ir tomar no cu e vai para a loja ao lado, que está linda, bem organizada, com vendedoras gostosas sorrindo e vai para lá!

Quanto ao outro consumidor do mercadinho, se for mal atendido, ele vai reclamar com o dono, ou vai levar o mercado para o Procon, ou vai ficar reclamando do mercadinho com os amigos, mas, uma hora ou outra, ele vai voltar a comprar no maldito mercadinho! Vai voltar a ser maltratado, mas, na segunda ocorrência, é provável que ele seja mais tolerante com o comportamento do mercado. Um verdadeiro capacho!

Se você fica decorando milhões e milhões de regras para lidar com as mulheres, ao invés de agir baseado em custo-benefício, vai acabar se comportando como o consumidor do mercadinho. Vai sofrer humilhação, cara de cu, greve de sexo, reclamações, e vai ficar pesquisando como agir em cada situaçãozinha, ao invés de mandar a vadia tomar no cu e ameaçar de término. Vai acabar virando um capachinho de vadia, fudido e arrombado, para vergonha da sua família.

Ela tá jogando muito? Fazendo muito cu doce? Brincadeiras de mal gosto? Situações que te irritam? Caralho, porque tu ainda não mandou essa vadia dar o cu na esquina? Vai deixar essa puta terminar de destruir sua auto estima para, só depois, tomar uma atitude? Depois que tua dignidade já tiver sido jogada no lixo, seu emocional estiver em frangalhos, aí tu vai assumir uma postura de homem (ui) e dar um pé na bunda?



ah, mas ela deve estar agindo assim porque eu estou me comportando feito um beta....




(Sr. X respirando fundo aqui e contando até 10, para não escrever uma besteira e ir preso...)






Escuta aqui, seu pequeno filho da puta: até quando você vai ficar assumindo responsabilidade pelo comportamento da sua namorada? Quando é que você vai aprender que mulher, uma vez puta, nada do que você fizer vai mudar o comportamento dela?

Se ela escolheu se comportar feito puta, a culpa é exclusiva DELA! Não sua! Ou os pais dela erraram na hora de educar, ou ela se deixou influenciar pelas amigas, ou ela simplesmente nasceu puta! Não interessa! Ela, e não você, é culpada pelo comportamento reprovável dela!

Agora você vai dizer que sua namorada está se revelando uma putinha só porque você não agiu feito uma marionete robotizada? Caralho, você tem que estudar, trabalhar, ganhar dinheiro, tem uma pilha de obrigações nas costas, e, como se não bastasse tudo isso, ainda vai assumir responsabilidade pelo comportamento dela??? Ah, dá um tempo!

A você, cabe apenas cuidar do seu desenvolvimento pessoal, da sua carreira, ter sucesso e deixar que ela usufrua um pouco desse teu sucesso, se você quiser. A ela, cabe cuidar do bom andamento do relacionamento.

Além disso, citando as traduções do Canal do Búfalo, você está certo e ela está errada! Sempre! Não interessa se você está errado de fato! Isso não tem relevância alguma! Você está sempre certo, e aprenda a assumir essa postura nos seus relacionamentos!

Se o seu relacionamento está uma merda, a culpa é dela! Sempre será dela! É ela que está deixando o relacionamento se descambar, e, muito provavelmente, está fazendo isso de propósito, só para te atingir!

E, se ela não faz questão de dar uma melhorada no relacionamento, tenha ela o motivo que for (se acha muito bonita, ou te acha um beta, ou está sofrendo influência externa), a única saída é término de tudo! Manda ela se foder e parte para outra!


O objetivo da Real é tirar, das costas dos homens, o tremendo fardo da matrix, para que eles possam lutar e correr para o sucesso. Se o efeito da Real em você está sendo o contrário, sugiro que você abra o olho, enquanto ainda há tempo. 

2 comentários:

  1. Pqp Sr.X esse texto não foi um tapa na cara foi um belo cruzado de direita ! ano passado terminei o ensino médio, fiz 18 anos e por sorte conheci a real, confesso que não conhecia nada disso depois de ler muito me vi como um beta e aspirante a mangina mas agora me livrei disso graças a real, muito obrigado confrade e vamos a luta !

    ResponderExcluir