[Relato] acabou-se o problema

Por Fernando Carloto

boa tarde gente,

quero contar um pouco da minha experiência, mas, antes de mais nada agradecer a vocês pelo fórum e o aprendizado que oferecem.


bom, eu hoje tenho 30 anos, sempre namorei, sempre fui meio desconfiado e tal, mas quando terminei um relacionamento de nove anos, eu levava uma vida tranquila, primeiro namorado dela, mina tranquila, fazia tudo como tinha que fazer, e tals.

Me envolvi com uma figura (por não poder escrever aqui o que realmente gostaria) que me cercava há anos, ela se fez de amiga, conversavamos quando estava na cidade (eu trabalhava viajando e nos víamos pouco), procurava saber a meu respeito, trabalhava no meu bairro e depois de algum tempo fui descobrir que ela tinha certas pessoas que informavam coisas a meu respeito.

logo depois de ter terminado meu relacionamento, ela se achegou, se fez toda solícita, amiga e tudo, e, um certo dia ela simplesmente disse que me queria há muito e esperou por 6 anos a oportunidade que não deixaria de aproveitar, eu pensei, que mal há? é amiga, te boceta e foda-se o resto. daí começaram os problemas, ela achou que estávamos tendo algo sério e começou a cobrar certas coisas, queria tomar atitudes que não convinham com o cargo de amiga e etc...

eu me relacionei com uma outra menina e ela sempre entrando no meio, fazendo o possível para que eu não ficasse com niguém para que ela pudesse ter o controle, mais um elacionamento terminado e eu viajei a trabalho.

Fui a curitiba em uma empreitada de 60 dias, ela entrou em contato com a minha familia e descobriu onde estava hospedade e simplesmente "brotou" lá com uma mala e disse que não iria embora, eu pensei em deixá-la onde a vi, mas fiquei com pena e tals, a acolhi, e, mais uma vez me fodi, ela queria ser tratada como esposa, se denominava assim na verdade, depois de um tempo vi que estava assinando meu sobrenome nos emails e certos documentos.

Obviamente pedi que parasse com isso e ela disse que me tinha como marido e todo marido dá o seu nome a esposa. eu me emputeci e quando voltei ao rj, falei que me aastaria, que não era o que eu queria e nao seria de outro jeito, ela meio que surtou, ficou ligando, enviando toneladas de sms's, foi a casa da minha mãe a minha procura, falava N coisas, pediu a um dos seus irmãos, este que era muito gente boa, pra conversar comigo e ele me explicou a situação, ela estava mais rodada que velocimetro de carreta e queria sossegar, como me viu namorando por vários anos, ela me "elegeu" o prego oficial da sua vida e queria isso a qualquer custo.

Conversei com o irmão dela e falei que não era assim e tal, que não a queria para nada serio antes e depois de tudo isso nem pra amizade, mantivemos contato, o irmão dela e eu, durante uns meses, eu tive de trocar de números e tudo pra deixar de ser importunado, espero que sirva de experiencia para algumas pessoas.

prestem atenção nas artimanhas dessas mulheres, prestem atenção para que não tenham sérios problemas.

desde já grato a todos voces.

0 comentários:

Postar um comentário