Os cafajestes são criados e mantidos pelas mulheres (Final)

No texto anterior, falamos sobre exigências inconscientes, sobre como elas influenciam decisivamente o destino das pessoas, e como as exigências inconscientes femininas são o verdadeiro motor dos cafajestes.

O texto estava ficando muito longo, por isso, decidi quebrá-lo em dois. Falamos sobre o egoísmo do cafajeste. Agora, vamos falar sobre o egoísmo feminino.

Já sabemos que mulheres valorizam homens egoístas, focados em si e que possuem sede de sucesso. São elas as verdadeiras culpadas pela existência dos cafajestes.

Mas, e os homens? Eles também valorizam o egoísmo feminino? São eles os responsáveis pela existência das vadias?


NÃO!


Mulheres egoístas valorizam homens egoístas. Mas homens egoístas não valorizam mulheres egoístas. Mulheres focadas unicamente em si, com sede de sucesso, que ignoram os outros, são REPULSIVAS para os homens. Mesmo a mais gostosa, a mais rabuda, a mais cavala, se torna instantaneamente NOJENTA quando manifesta um caráter egoísta, mesquinho e cruel.


Enquanto o desejo inconsciente das mulheres as direciona aos egoístas, o desejo inconsciente dos homens os direcionam às ALTRUÍSTAS! São as mulheres abnegadas, prestativas, que gostam de ajudar os outros, que não têm projetos próprios (elas vivem em função dos projetos dos maridos); religiosas, atenciosas; são essas as que conseguem verdadeiramente mexer com os desejos inconscientes masculinos.

Mulheres verdadeiramente altruístas são capazes de extrair, de dentro do homem, seu verdadeiro potencial; por causa delas, mesmo o mais beta dos homens pode fazer coisas incríveis. Mulheres altruístas são capazes de acordar o gigante que existe dentro de um homem.

Homens que mantêm relacionamentos sérios com mulheres egoístas sofrem. Se ela for gostosa, o desejo sexual do homem até pode ser satisfeito. Mas, sexo, até uma prostituta é capaz de fazer. Se tiver peito e bunda, uma vagina, e não for gorda feito uma porca, consegue oferecer sexo decente.

Porém, sexo não é a única necessidade que o homem busca na mulher. Ele também busca nela o altruísmo, uma característica que não existe nele. Ele sabe, instintivamente, que precisa de uma mulher verdadeiramente altruísta do seu lado, já que é uma forma de despertar seu gigante interior. Mulheres altruístas ajudam o homem a mostrar para o mundo que, por mais beta que ele seja, por mais ômega, ele é um homem, e é capaz de realizar feitos incríveis!

Por causa desse desejo inconsciente dos homens, todas as mulheres tentam, a todo custo, simular uma imagem de santa. É por causa desse desejo inconsciente que elas se sentem muito mais ofendidas que os homens. Não se vê movimentos de homens pedindo para não ser criticados. Mas, movimentos de mulheres que clamam por não ser criticadas de qualquer forma, esses existem aos montes!

Chame um homem de canalha, e ele vai rir de você. Criticar homens é inútil. Agora, chame uma mulher de vagabunda, de manipuladora, para ver o que acontece. Ela irá partir para cima de você, vai tentar te agredir. E fará de tudo para destruir sua reputação. Ofensas fazem um efeito muito mais devastador nelas que nos homens, exatamente por causa disso: mulheres com imagem de egoístas, de putas, são repulsivas sexualmente!

Porém, a imagem que uma mulher simula perante os outros é irrelevante, quando falamos em desejos inconscientes masculinos. Homens desejam mulheres altruístas de fato! Não adianta tentar simular, mulher: se você não for altruísta de fato, você será incapaz de mexer com os desejos inconscientes masculinos! E, como você é incapaz disso, o homem não conseguirá despertar o monstro que existe dentro dele, que o conduz a fazer coisas extraordinárias! Dificilmente ele chegará a algum lugar!!!

Todo homem que se envolver com você estará fadado a ser um homem medíocre, incapaz de fazer coisas extraordinárias! Uma vez que não há, dentro de você, altruísmo verdadeiro, isso te torna incapaz de motivar um homem a buscar o sucesso, e a querer ser alguém grande e importante! Seu egoísmo selou o seu destino a se relacionar apenas com fracassados!

Sabe aquele alfa que você tanto deseja? Aquele sujeito alto, rico, bonitão, bombado? Se ele se envolver com você, é provável que ele será jogado na lama em pouquíssimo tempo, graças ao seu egoísmo! Provavelmente, depois que você entrar para a vida dele, tudo vai começar a desandar, ele vai perder a motivação, vai engordar e vai ficar mais feio. Ele vai ficar sem saber o que aconteceu, quando, na verdade, a culpa não foi dele: foi sua!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A busca do homem pela mulher altruísta é, talvez, a maior trava que existe para o crescimento da filosofia da Real. Aceitar que as mulheres atuais são vadias manipuladoras e egoístas é algo que fere nossos instintos! Buscamos mulheres altruístas não porque nos foi ensinado, mas porque, no íntimo, é o que todo homem busca! Para alguém que não entrou em contato com a Real, é extremamente complicado aceitar que a mulher atual é egoísta, cruel e manipuladora! É o que eu chamo de instinto matrixiano!


Mulheres criam cafajestes; cafajestes criam mulheres egoístas


Retomando o assunto do texto anterior, mulheres que se envolvem com cafajestes acabam sendo manipuladas por eles. São usadas, feitas de idiotas, e o trauma sofrido irá danificar seu altruísmo natural de forma irremediável. Ao contrário do que elas dizem, não existe mulher resolvida! 

Depois de se envolver com um cafajeste, de ter acreditado nas mentiras dele e de ter se apaixonado, a rejeição do cafajeste cria, na mulher, uma mágoa que irá acompanhá-la para sempre. Mulheres usadas por cafajestes são magoadas, mal resolvidas, rancorosas. E esse rancor irá torná-las egoístas! De forma irreversível!

Ao contrário do egoísmo masculino, que existe naturalmente por causa da testosterona, o egoísmo feminino surge depois que a mulher é usada por um (ou mais) cafajeste (s). E, ao contrário do egoísmo masculino, que torna os homens competitivos, criativos e empreendedores, o egoísmo feminino torna as mulheres crueis, manipuladoras e sociopatas! O egoísmo masculino torna os homens atraentes. O egoísmo feminino torna as mulheres repulsivas!

Por causa disso tudo, temos, agora, mais motivos para se rejeitar mulheres rodadas: elas não têm o altruísmo feminino de que você necessita; são incapazes de te satisfazer plenamente; e, acima de tudo, serão péssimas mães!

Elas jogaram o seu altruísmo natural na lama! Se condenaram a ser uma maldição para todo homem que ousar se envolver com elas! Cabe a nós, homens, apenas rejeitá-las; usá-las, e descartá-las feito lixo! E, se aparecer uma mulher não-rodada, que ainda tenha seu altruísmo natural conservado, aí, talvez, estudar a possibilidade de algo mais sério. EU DISSE TALVEZ!

15 comentários:

  1. Muito bem, mandou ver. Em partes achei que o texto meio que se repete, lá pelo começo, mas está muito bom.

    Infelizmente temos que quebrar esse círculo vicioso, que cria cafajestes e mulheres cada vez mais egoístas. Parte pode começar com nós, homens, tomando boa postura e não se submetendo a qualquer mulher, para não nos corrompermos. Infelizmente homem sempre sofre muito independente de se relacionar com medianas, tops, rodadas, entre outras.

    Mas acho que o principal modo é a mulher saber controlar mais os seus instintos hipergâmicos e não se apaixonar por homens imprestáveis ou inacessíveis (Depois não adianta dizer que "homem é tudo igual"!). Dessa forma causará menos trauma nos Betas (possíveis candidatos à cafas), e com menos cafajestes, teremos cada vez menos mulheres egoístas também.

    Já os cafajestes e mulheres egoístas que já temos por aí, muitas vezes os traumas sofridos por eles (que os tornarem assim) podem ser irreversíveis, para eles só podemos pedir mais moderação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vlw. Vou levar o feedback para os próximos textos.

      Excluir
    2. Não tem como quebrar o ciclo vicioso que foi criado desde a fundação da humanidade. Quando a gente resolve ir contra a maré a gente fica estacionado no mesmo lugar. :c
      ===> ===> ===> <--vc ===> ===> ===>
      ===> ===> ===> =<--vc ==> ===> ===>
      ===> ===> ===> ==<--vc => ===> ===>

      Excluir
    3. A história é a seguinte, é essa frasezinha escrota que rola no facebook, mas que faz todo sentido... "não fira com o que te feriram"

      Excluir
  2. O comportamento cafajeste é uma consequência imediata de uma desilusão amorosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em muitos casos é sim, conheço casos disso e também já li bastante na blogsfera.

      Ou seja, o cafajeste nem sempre é um top metidão, e sim, pode ser um ex-beta desiludido que tomou certas escolhas pra sua vida.

      O em comum nesses dois tipos de cafajestes é que sempre tem uma mulher mala no meio da história...

      Excluir
  3. Cara minha ex ajudava ate mendigos na rua. Aquilo me deixava bem contente mesmo. Mas no final descobri q ela, se era gente boa fora da relação, comigo era tirana. Quando sai do relacionamento estava destruido emocionalmente e psioologicamente. Por sorte, mesmo sem trabalho, ainda conseguia me manter com dinheiro em caixa. Se nao estaria completamente perdido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou capaz de jurar que você não era um egoísta. O altruísmo dela te contaminou, e foi isso que destruiu a relação. Acertei?

      Excluir
    2. Egoista eu nao era mesmo. Eu fui virando um cão servil aos poucos e quando ela viu isso, terminou. Claro, antes ja estava observando meios para sair da relacao.

      Excluir
  4. Concordo em partes. Primeiro que não existe esse lance de altruísmo natural na femeia, pelo fato delas viverem mais para espécie do que para o mundo.Segundo elas são mais importantes do ponto de vista reprodutório, não faz sentido o mais importante ser altruísta para com o menos importante e sim o contrário(em se tratando de continuidade da espécie), é mais fácil uma mulher ser altruísta para com outra mulher como eu tenho observado.
    Óbvio que esse altruísmo nada mais é do que uma farsa, elas são "altruístas" com escórias já que estes justificam a "fraqueza delas".

    ResponderExcluir
  5. Os homens sempre se fortificaram pra ter acesso as mulheres. Se existem cafajestes é pq as mulheres os selecionaram assim.

    www.facebook.com/GarotoPoliticamenteIncorreto

    ResponderExcluir
  6. Acabei de conhecer o blog, e achei o texto fantástico.
    Vou contar sobre uma experiência recente que tive com uma vagabunda egoísta. Eu sei que grande parte dos companheiros leitores daqui do blog também têm suas frustrações com essas vadias, por isso creio que, certamente, meu relato lhes será interessante.
    Logo depois que a conheci, nós adicionamos, um ao outro, no Facebook. Através dos vídeos que ela mantinha no Face e até mesmo no Youtube, gravados por ela própria, eu descobri que ela babava ovo pra gogo boys, desses que dançam pelados em baladas gays.
    Apesar disso ter-me incomodado um pouco, pois pra mim esses caras não passam de sujeitos nojentos e, muito provavelmente, depósitos de DST's, eu relevei o fato, pois acreditei que, mesmo não se encaixando no perfil desses marombados (sou magro, corpo normal e não muito atlético), eu acreditei que seria capaz de satisfazê-la e, acima de tudo, que eu poderia contar com sua consideração, que no seu texto você chama de altruísmo, o que é devidamente apropriado, pois o altruísmo também é parte do espectro da consideração.
    Ela me contou, já no início da relação, que sempre gostou de baladas gays, e que já havia se relacionado com muitos desses gogo boys que, segundo ela, só lhe trouxeram frustrações, justamente por serem cafajestes e sempre rejeitarem-na, no final das contas.
    O tempo foi passando, e aí foi a minha frustração que começou a aflorar. Quando me dei conta, eu estava pagando tudo: motéis, almoços, estacionamentos de baladas (detalhe, ela estava comigo, no carro), e tudo mais. Apesar de achar injusto, afinal ela também trabalha e tem o seu dinheiro, além do prazer no motel não ser exclusivamente meu, como um OTÁRIO eu resolvi levar adiante, pelo fato de estar verdadeiro apaixonado por ela, apesar da sua mesquinharia. Por ela morar fora, nossos encontros acabavam saindo caros demais pra mim (exclusivamente pra mim, claro) e, quando me dei conta, estava gastando tudo o que tinha e até mesmo o que não tinha, pedindo dinheiro emprestado aos meus pais, para me encontrar com essa vagabunda, que não enfiava a mão no bolso pra absolutamente nada.
    Moral da história, pra não transformar esse meu relato numa tese: O egoísmo dessa vadia é fruto, sem sombra de dúvidas, das frustrações dela nas mãos desses gogo bichas, que a usavam e a desprezavam, no final das contas, de acordo com relatos de pessoas próximas a ela. Por ter sofrido na mão desses cafajestes, abraçou a filosofia de que homens deveriam pagar por tudo, porque no final da noite, iriam, obviamente, querer comê-la. Hoje, ela certamente acha que todos devem pagar tudo pra ela, com um comportamento egoísta, detestável e repulsivo, como você citou no texto...e tudo porque sofreu na mão de cafajestes. Hoje, quer descontar suas frustrações em seus futuros pretendentes e, se forem manginas otários, vão acabar ainda mais falidos e psicologicamente destruídos do que eu, nesse exato momento. Como homem honrado, eu dei um basta na relação, que não passou de 2 meses (detalhe, nós nos víamos muito pouco, por ela morar relativamente longe), jogando toda minha frustração na cara dela. Detalhe, ela já não é nenhuma garotinha. Tem 37 anos, não tem filhos (ou, leia-se: não é mãe solteira, o que é uma grande surpresa pra mulheres dessa estirpe) e vive a ilusão de que será uma eterna princesa. Dá até pena. Moral da história: o autor desse texto matou a pau. Todo homem quer, de fato, uma mulher altruísta, parceira, justa. Não se deixe envolver demais com essas vadias, para que você não seja mais um trouxa como eu fui, ainda que por pouco tempo (graças a Deus), acreditando que poderia contar com a fraternidade de uma vagabunda. Espero que esse relato sirva de lição para manginas matrixianos e inocentes, que simplesmente acabam deslumbrados com qualquer vagabunda que esfrega sua xota em suas caras. Pensem um pouco mais em si próprios, invistam sempre seu tempo e dinheiro mais em vocês mesmo e, quando surgir a fumaça, desapareçam da vida dessas vagabundas pérfidas pois, onde há fumaça, há fogo, como já diz o velho ditado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou repetir o final do seu texto por que sou prova disso:
      "Pensem um pouco mais em si próprios, invistam sempre seu tempo e dinheiro mais em vocês mesmo e, quando surgir a fumaça, desapareçam da vida dessas vagabundas pérfidas pois, onde há fumaça, há fogo, como já diz o velho ditado".

      Excluir
    2. Desculpa mas neste texto dá para perceber como às vezes somos nós que nos enganamos e queremos ser enganados. Por isso não acredito em nenhum coitadismo. Feminino ou masculino. Porra, mesmo sabendo que a mulher gostava de tipos sarados e putos, e mesmo ela assumindo isso o cara foi em frente!!!!! Percebam, meus amigos: muitas vezes são as próprias mulheres que metem a real para o cara. A maioria não esconde quem é. Deixam claro que são mães solteiras, ciumentas, avisam que não são santas. Mas os idiotas querem assim mesmo e depois ficam reclamando.

      O homem se deixa enganar por si mesmo. Não tem essa de a mulher manipulou e enganou. O sujeito paga tudo para a mulher para se sentir fodão e depois reclama que a mulher age como puta! Claro, você está a tratando como garota de programa. São raras as vezes que a mulher se faz de santa e manipula. A maioria hoje em dia já deixa claro a que veio. Basta ouvi-las mais.

      Por isso que digo, só se engana quem quer

      Excluir
  7. Tem que tomar cuidado com uma coisa importante também...
    Já namorei com uma dessas que se dizia frustrada com um cafajeste do passado e observei outros casos. Elas não acreditam mais em homem algum. No meu caso, eu fazia tudo tão certo e de maneira tão racional que isso a incomodava e ela foi fazendo testes e mais testes, cada um mais escroto que o outro e eu passava. Isso a deixava revoltada, e até simular agressão da minha parte ela fez só pra se fazer de vítima, além de espalhar um monte de mentiras sobre mim. Eu me afastei e depois de 5 anos ela ainda dá sinais de querer se aproximar, ou por ser sádica ou porque o amor de p*** associado ao meu senso de honra e dedicação a desconcertou. Dicas:

    1-Sua honra nunca fará uma mulher mudar se ela puser na cabeça que homens não prestam e que tem que se vingar de cada um até o fim da vida;
    2-Se ela não se dava bem com o pai, é arriscado, bom ficar atento pois o modelo masculino mais próximo é importante;
    3-Feministas e militantes políticas? Preciso nem falar;
    4-Mulher baladeira, que tem muitas amigas e que gosta de andar com v****, ihhh, se ferrou Bino!
    5-Mulher que gosta de música eletrônica e dessas cantoras que catam seminuas, Xuxa, psicologia, marxismo, mulher que gosta de ficar apontando quem é viado, ciumenta, etc., cai fora.

    ResponderExcluir