AS 3 FORÇAS QUE DOMINAM O MATRIXIANO


Por Edemar

Amigos estava me lembrando nessas conversas aqui do fórum o que um colega de faculdade (matrixiano metido a garanhão) no meu primeiro ano de faculdade falou numa conversa de grupo:


- Porra, vocês não repararam que a vida de um homem gira em torno de uma xoxota? A gente trabalha, estuda e se forma por causa de uma xoxota.

Na época, eu concordei plenamente, assim como os outros colegas envolvidos na conversa. Tinha 18 anos (estou para fazer 24). Eu supervalorizava uma reles buceta!

Partindo dessa premissa, pode-se notar que o maior e principal motivo de um homem se prender tanto a uma mulher é a xoxota, ainda mais um homem que não consegue sexo com facilidade, aliado ao que chamo de marketing feminino, onde a mulher que incutir na cabeça do homem que ela é única. Que é a mais santa, carinhosa, sincera, bonita, inteligente, fode melhor. Em suma, ela quer fazer acreditar que ela é a melhor mulher da face da Terra.

Agravando ainda mais isso, está a necessidade quase que doentia do matrixiano em querer provar pros amigos e para a família que ele não é um fracassado (como se o simples fato de não ter ninguém o tornasse como tal). Ou seja, o cara não pega ninguém mas quer passar uma imagem sua oposta da realidade.

Resumindo, um matrixiano é dominado por 3 forças:

1 - Xoxota (principal delas)

2 - Marketing Feminino Fortíssimo

3 - Imposição Social

0 comentários:

Postar um comentário