Testosterona e altruísmo

Você se lembra daquele seu super-herói favorito? Qual é o perfil dele?

Normalmente, os super-heróis famosos são caras grandes, fortes, com rosto agressivo e postura hostil. Ao mesmo tempo, são caras abnegados, altruístas; caras que não mentem nunca, e que sempre estão dispostos a ajudar. Se for preciso, sacrificam até a própria vida para ajudar quem quer que seja. Com este perfil, temos o Super-Homem, o Batman, o He-Man, Capitão América, entre outros.


Engraçado é que este perfil não condiz em nada com a realidade. Homens grandes, fortes e hostis são homens com níveis altos de testosterona. Este hormônio é responsável por características masculinas associadas à força, à agressividade e à competitividade. Ao mesmo tempo, este hormônio torna os homens mais egoístas, insensíveis e crueis. Fontes para esta informação? Eu tenho essa aqui!

Se homens fortes têm níveis altíssimos de testosterona, é paradoxal imaginar que esses mesmos homens podem se tornar super-heróis. Homens egoístas não são heróis! Homens egoístas são apenas homens egoístas, que se importam apenas consigo mesmos e que passam por cima de qualquer um!

Homens bons, altruístas e generosos são homens com níveis de testosterona baixos! Se você, homem, é do tipo que luta em prol de um mundo feliz e melhor, tenho más notícias para você: suas duas bolinhas de gude não trabalham direito! Se fosse possível fazer um Raio X do seu saco, provavelmente, encontraríamos teias de aranha ao redor das suas bolas! E, com níveis baixos de testosterona, não é de se estranhar que as mulheres sintam repulsa por você!


Estudos afirmam (fonte) que o homem, quando se torna pai, sofre uma queda nos níveis de testosterona. Por causa disso, dois fenômenos simultâneos ocorrem. Primeiro: ele se torna mais atencioso com os filhos e com a mulher. Segundo: a mulher passa a sentir nojo e ressentimentos imbecis pelo marido! Ela começa a se lembrar daquelas noites que o cara deixava as cuecas sujas na gaveta do guarda-roupa e joga isso na cara dele, como se isso fosse prova da canalhice extrema do homem (facepalm).

E o que dizer de homens feministas? Eu nem precisaria entrar muito no mérito dessa discussão. Quer sujeito mais altruísta que alguém que defende uma causa que não é dele??? Defender a causa de outrem em prejuízo próprio, para mim, é a maior prova de altruísmo (e, consequentemente, de testosterona baixa) que um homem pode apresentar! O mesmo se pode falar de homens que defendam o aborto, homossexualismo e outras causas da espécie. Defender uma causa que não te diz respeito (diga-se de passagem: que não te trará benefício algum) não é nem sinal de baixa testosterona: É BURRICE MESMO!

Garotos com testosterona baixa costumam sofrer bullying dos coleguinhas com testosterona à flor da pele. Você já deve ter notado que garotos prestativos são os mais agredidos no colégio. Costumam ser, também,  os que têm maiores problemas em arrumar namorada. Mulheres têm um faro especial para detectar testosterona (ou a falta dela).

A baixa testosterona torna os homens mais emocionais. Esses homens passam a ter sentimentos como pena, compaixão; se tornam mais compreensivos e sensíveis com os problemas alheios (homens que choram); costumam perdoar mais os erros alheios, e se desculpam mais com as pessoas pelos próprios erros (se desculpam até quando não erram!). Ao mesmo tempo, eles passam a não compreender a falta de altruísmo nos outros homens (e nas mulheres), e piram com isso.

Só por este último parágrafo, você já deve ter percebido que a falta de testosterona é boa apenas para as mulheres. O altruísmo feminino, ao contrário do masculino, é muito bem visto por todos (principalmente se for verdadeiro, o que, nos dias atuais, está difícil de se encontrar). Mulheres sensíveis, companheiras e compreensivas conseguem ser felizes com mais facilidade que as outras, e até o desempenho sexual é melhor. Sentimentos humanistas no caráter feminino são excelentes.

9 comentários:

  1. no texto gordas são o pior tipo de feminazi seria para uma mulher com essas caracteristicas lola aronovich, ninguém merece aquela mulher só fala merda

    ResponderExcluir
  2. Não pode haver é uma confusão de Altruismo com burrice, insegurança, etc...Não concordo com a conclusão do artigo. http://forum.bufalo.info/index.php?topic=689.0

    ResponderExcluir
  3. Leia a minha conclusão à respeito Sr. X.
    http://forum.bufalo.info/index.php?topic=689.0Falow.

    ResponderExcluir
  4. Esse fabio11 e um cagao!,sempre comenta coisas que nao tem nada aver com o post,deviam proibir esse prego de escrever merda aqui.

    ResponderExcluir
  5. Algo que poucos percebem é que existem homens pseudo-feministas. Eles fazem o discurso feminista, se apresentam como "os defensores das mulheres", são tendenciosos a favor delas em palavras e ações, parecem acreditar muito neste ideal.

    Eles podem até acreditar em um nível superficial de consciência. Mas é apenas uma tática para hipnotizar e cativar as mulheres. E para dominar os outros homens: quando em um grupo um homem dominante se apresenta como "o defensor das mulheres", elas ficam embriagadas (de orgulho feminista e misandria) e aceitam cegamente sua liderança.

    Ao mesmo tempo, os outros homens do grupo se sentem intimidados pelo discurso feminista do macho alfa e pela misandria à flor da pele das mulheres unidas para defender seu "defensor" contra os "opressores porcos chauvinistas".

    * * *

    Precisamos diferenciar "egoísmo" de "interesse próprio". É parecido à primeira vista, mas é muito diferente em essência. Temos que buscar nosso interesse próprio sim, mas de forma equilibrada com o interesse do outro e do grupo, até porque eles são interdependentes. O problema é que as pessoas polarizam: "interesse próprio OU interesse alheio". E ambos os extremos dão maus resultados no longo prazo.

    * * *

    E como o macho gama ou ômega pode aumentar seu nível de testoterona?

    * * *

    Emerson Luís

    ResponderExcluir
  6. acho interessante as conclusoes científicas , mas cismo em ver o ser humano muito mais que hormônios células etc...somos mesmo diferentes , acredito que possa sair sim uma figura dessas e ser altruista , pode ser raro...mas acredito
    agora essa das bolas rss , não vou deixar de pensar no próximo  pra mostar como sou culhudo , não mesmo

    ResponderExcluir
  7. Viajaram no artigo, eu sou grande, já fiz ciclo com anabolizantes e não fiquei egoísta. Conheço muito amigos gigantes que são gente boas, pais de família ou grandes empresários que ajudam milhares de pessoas dando emprego, ou seja ajudando pessoas de verdade, mas do que vcs aqui. E outra coisa o Superman é de outro planeta e lá a lógica é um pouco diferente. Super-heróis geralmente são de outros planetas ou sofreram mutações (seja por radioatividade, mudança no DNA, etc) ou seja não tem nada haver com testosterona. Deveria ler mais e pesquisa mais pra não escreverem besteira.

    ResponderExcluir
  8. Amigo eu concordei com este texto e discordei em alguns pontos, eu gosto muito de acompanhar os estudos sobre testosterona e 50% do que falaram de egoismo e altruísmo e a relação com a testo eu concordo.
    Mas vou explicar o porque discordei de alguns pontos.
    Vamos lá, o homem com testo alta é o mais egoísta com pessoas ao qual ele não conhece e não tem relacionamento, com pessoas do grupo dele ao qual ele se identifica o comportamento padrão é o contrario é ser altamente altruísta.
    Usando exemplo do vendedor, o homem com testo alta ele não dá mole pro cliente, mas dentro da equipe dele de vendas ele é o primeiro a dar o sangue e é o linha de frente sempre.
    Outro exemplo de uma pequena tribo indígena nesta tribo o homem com testo alta é provavelmente o mais forte, corajoso e audacioso dos índios e o primeiro a sair pra defender a sua tribo não se importando em destruir seus inimigos se preciso pra defender a tribo.
    Não se importará e será egoista com quem não conhece e protegerá até em casos se sacrificando pelos seus.
    É mais ou menos está relação egoísta e altruísta.

    ResponderExcluir