[Análise] Batman - O Ùltimo Herói Honrado

Por Carlos Eduardo

Lendo um texto do Doutrinador sobre o que fizeram com o Homem Aranha na série de filmes, me ocorreu a idéia de fazer esse tópico. O Doutrina tem razão no que diz, dói os bagos ver um Homem Aranha mangina, rastejando atrás da Mary Jane, enquanto ela dá para todos os fodões da cidade, inclusive amigos dele.


Felizmente tivemos um boa surpresa com Batman. Evidentemente não falo da série de filmes dos anos noventa, onde os filmes não passavam nenhum tipo de valores. Falo da série recente, do Batman de Christopher Nolan que, para dizer a verdade, é o Batman de Frank Miller, o quadrinista que revolucionou o personagem.


Pois, bem vou demonstrar porque o Batman de 'Batman Begins' e o 'O Cavaleiro das Trevas" é o último herói honrado que eu tenho visto em muito tempo no cinema:


Imagem

1) SACRIFÍCIO PESSOAL => No primeiro filme, Bruce Wayne deixa a vida de herdeiro milionário e vai viver no Himalaia por anos, onde se torna discípulo do maior mestre da Artes Marciais. 


LIÇÃO: Ninguém faz nada importante na vida sem sacrífico pessoal. Treinamento, Disciplina, Atitude Mental positiva são essenciais. Ninguém se realiza sem profundo esforço e sacrifício. Você nunca vai se tornar alguém na vida com a sua bunda pregada na frente do computador o dia todo. Um playboy levando vida de playboy jamais vai ser Batman. Um fudido, agindo como um fudido, jamais deixará de ser um fudido.


2) É O QUE EU FAÇO QUE DEFINE => Ainda no primeiro filme, vemos o seguinte diálogo entre Rachel e Batman :


Rachel: Você pode morrer. Por favor, me diga quem você é ?


Batman: Não é QUEM EU SOU, mas O QUE EU FAÇO que me define.





LIÇÃO: Essa é uma das maiores lições que qualquer homem honrado pode ter. Não é porque você nasceu filho da faxineira que você está condenado a ser um pobre sem destaque. Não é porque você, vagabundo desonrado, nasceu favelado, que você está destinado a ser um verme criminoso. 


Não é o que você É, mas o que você FAZ que te define. Pare de choramingar imbecil. 


"Ah, porque eu sou isso, isso e isso.... blablabla" ... E o que você FAZ seu paspalho ? Você luta dia e noite para superar suas condições adversas ? Ou você é um rato que se deixa ser definido pelos rótulos das adversidades que você enfrenta ? 


No filme Batman é herói justamente por isso. Podendo levar uma vida de playboy milionário irresponsável, escolhe sair todas a noites para arriscar a vida e riscar do mapa vermes desonrados. Você não precisa ser o Batman, mas essa lição serve para a vida de todo mundo.


3) REALISMO E VIOLÊNCIA => No segundo filme, é clássica a cena onde Batman aparece no interrogatório do Curinga. Sua primeira pergunta ? Pega a cabeça dele e arrebenta numa pancada contra a mesa.


LIÇÃO: Não se combate facínoras e psicopatas com beijinhos e flores. Criminosos são pessoas cruéis e amorais cuja a única linguagem que entendem é a da violência. Na sequência há uma crescente de violência onde o morcegão mostra a realidade de como se lida com criminosos.





LIÇÃO: Heroizinhos politicamente corretos na combatem bandidos, são mortos por bandidos. A polícia não tem como lutar contra o crime com leis que dão proteção a bandidos e punição contra quem é duro contra criminosos. Eis porque temos o Brasil de hoje. Gostaria ver esses malditos defensores de direitos de bandidos trancados numa cela cheia de psicopatas.

4) RESILIÊNCIA: Em português claro, suportar as pancadas da vida e seguir em frente. No final de o Cavaleiro das Trevas, Batman faz um novo sacrificio, aceitando ser caçado como criminoso para que Gotham City possa voltar a ter esperança. Por que ele faz isso ? Segundo o Comissário Gordon "Porque ele aguenta". 

LIÇÃO: Porra, já tava fazendo falta um herói macho, né ? Sem nhenhemnhem, sem chororô. Faça o que é preciso fazer, a honra e dever vem sempre na frente. Você aguenta o pé na bunda de uma namoradinha sem rastejar atrás dela ? Isso é resiliência. A honra vem sempre na frete.

Agora não me venha com seus horóizinhos emos efeminados japoneses. Senão vou ter que rir na sua cara.




6 comentários:

  1. Wolverine nos tempos de Claremont tb era honrado...

    ResponderExcluir
  2. O que tem contra heróis japoneses? são melhores que os estadunidenses e o Goku é o melhor que já conheci.

    ResponderExcluir
  3. O que tem contra heróis japoneses? são melhores que os estadunidenses e o Goku é o melhor que já coneci

    ResponderExcluir
  4. Herois Japoneses tem alguns bons mas mesmo esses bons sofrem da grande palhaçada majoritaria ser 100% bonzinho não se poder ser assim pois e idiotice

    Herois bons são Herois que tem as caracteristicas e virtudes como
    Superman (o Novo segue uma linha muito semelhante ao batman)
    Batman
    Justiceiro
    e mais alguns que não me vem a cabeça

    ResponderExcluir
  5. O cara tava falando do Batman e o outro vem citar o Goku. Kkkk Que merda passa na sua cábeça cara? Goku não passa de uma coisa impossível, um tipo de ET que pode voar e ser super poderoso, ou seja, impossível na nossa realidade. Já o Batman é um simples humano como nós, peraê, como nós não. Ele é um super humano sem ser super. Um homem comum que teve a coragem de deixar para trás por um tempo sua riqueza, se dedicar a aprender artes marciais e de pois usar a riqueza que possuía para criar armas e assessórios para combater o crime. Arriscando sua vida por pessoas desconhecidas.
    É claro, e bem evidente que nós todos sabemos que nenhum dos dois existem. Mas também é claro que vocês entenderam meu ponto de vista.
    Deixo claro aqui que eu acredito no que pode ser possível. O Batman pode ser possível de existir algum dia, no futuro quem sabe.
    Para ser um herói basta fazer a diferença.

    ResponderExcluir