Um dos relatos mais sinistros que eu já li

Trazido por Lobo Mau

Aí galera, hoje estou remexendo o fundo do baú e lembrei desse relato sinistro que espantou muita gente na época que foi postado, alguns membros mais antigos talvez se lembrem dele:

"experiencias que geram traumas... permanentes.
vou começar..... depois postem as suas.... vamos discutir...


Um dia, fui dar uma chegadinha no serviço da minha ex-esposa ( a que morei junto lah em gyn), um dia `como quem não quer nada~, nessa época a gente tinha 4 meses que estavamos morando juntos...

Fui lah normal.. pq tinha saído mais cedo do serviço e ia pra casa... sei que cheguei no consultório, pra falar com ela.. avisar de boa... como sempre fiz...

Quando cheguei lah .. bem devagarzinho... a porta tava fechada... achei estranho ... naquele horário as 4 da tarde... estranho... quando fiquei ... lah esperando pra poder ver se ela chegava.. e nada.... tinha mais oumenos... uns 20 minutos.... comecei ouvir uns barulhos estranhos .. tipo barulho de batendo nas coisas... sei lha dentro do consultório... estranhei.. pq comecei a ouvir um gemido... estranho.... fui olhar pela fresta da janela... lah estava.. minha ex-posa fazendo (cachorrinho) com o dentista ( irmao do marido falecido dela).... cara como chorei..... segurei pra não gritar pra não falar.. como sofri.. quase desmaiei. Engraçado que a coisa tava tão boa.. que ... nem notaram que eu tava olhando pela fresta da janela... e vi tudo... e eles foram até o fim ( literalmente)... como chorei ao ver aquilo.. (antes não era inseguro) e ela dizia todo dia que me amava e talz... que estava comigo e só estava comigo pq gostava de mim.. cara fiquei com tanta raiva naquele dia.. mas meu medo de perder ela era muito grande... não sei .. se me impressionava a beleza dela.. não sei... 

Sei que naqeule mesmo dia.. fui embora.. pra casa ( nossa casa), e até a mãe dela estranhou meu jeiot entrando calado lah .. pq fiz força pra não falar um monte pra ela... sei lah .... deu 6 horas e subi... lah ... pra pegar ela no consultório pra gente ir pro colégio... ( estudávamos na mesma sala na época)... como quem não queria nada perguentei.. E ai como foi seu dia de trabalho... e ela na cara mais lerda do mundo... disse ..ñossa... foi corridissimo.. estou muuuuuuuiiiiito cansada... e bla bla bla... e eu ainda falei .. com o coração na mão... nossa então quando chegar em casa ..vou fazer um negócio legal e talz... nesse dia terminamos a aula normal.. quando cheguei... em casa.. na hora do vamos ver.. parece que no final da aula .. tava ruim... não tava conseguindo disfarçar... a decepção... ( mas meu medo de perder-ela era maior) e ai ..

Acho que ela tb queria disfarçar... o que tinha feito naquela tarde... disse que queria fazer comigo.. e eu ... fiquei assim... com medo.. e ai .. quando fomos começar.. ela quis sentar no meu colo.. e ai ... sei que na hora... começou a descer.. àquele negócio ( não precisa falar neh...vcs sabem.. esperma) e desceu muito... que chega molhou o colchão.. nosso colchão... !!!! fiquei indignado com aquilo.. mas me segurei.. ainda com cara de quem não acreditou perguntei.. e ela na cara mais limpa do mundo disse que era tesão.. que tava sentindo.. e eu falei..vamos deixar pra depois.. tah ????? e passei a noite toda chorando.. 

Depois disso... mudei completamente.. deixei de ser seguro de mim... passei a ser bem inseguro... e é uma coisa que é difícil pra mim superar. Isso já tem quase 9 anos Sei que é um trauma .. não consegui superar... acho que talves eu não tenha dado certo com ninguém por causa disso .. pq não consigo confiar.. gosto muito .. mas meus namoros acabam.. pq não consigo superar isso ... foi muita humilhação pra mim... acho que pra qualquer homem...."

7 comentários:

  1. Sr. X, será qotue você pode me ajudar a colocar um template no MDI. Na verdade no blog de testes coloquei e funcionou, mas no MDI está dando incompatibilidade, com total desorganização. Já tentei por mto tempo, agora só mesmo alguém que entende. Se puder ajudar, adicione nosso msn ola.mdi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Respondi no blog do mdi

    ResponderExcluir
  3. negocio de segurança é interessante mesmo,eu trampei numa danceteria(acho que no rio é boate),e no caixa,cara eu não era considerado belo e respeitado,simplesmente porque não era barman,o "gato"de lá era um bobo que ria que nem o pateta(isso mesmo,que nem o pateta),eu queria saber como os biologos e defensores da "selação natural" me explicam o que uma mulher ve num cara que ri que nem o pateta...que tipo de proles ela pode querer gerar?so se forem bozos e tiriricas... 

    ResponderExcluir
  4. o que esse "gato" fazia?
    era o barman? mulheres tem tesão por eles
    era rico?
    era comunicativo?
    tinha muitas pessoas ao seu redor?
    fazia-as rir? (não necessariamente iria come-las)

    vc sabe a resposta.

    um Q a mais ele tinha, diferente de ti.

    ResponderExcluir
  5. Dr Richfield sim ele era barman e um bobo(uma vez foram os amigos dele pra tal danceteria,tu tinha de ver a "estirpe" desses amigos)eu não tenho nada contra mulheres terem seus  fetiches por mais babacas que eles sejam ,o que acho ridiculo é a tentativa de passar um "verniz racional" nessa bobagem,e outra um cara "pegador"tu saca de longe,tende a ser um sujeito mais malicioso,o que não era seu caso,ele apenas "estava na hora certa e no lugar certo"e voce tem razão,não sou igual a ele,ele é uma armação uma fraude,eu não...

    bem moral da historia:qualquer bobo pode ser pegador basta apenas fazer um curso de BARMAN no SENAC(veja como as mulheres são seletivas ne rss) =)

    ResponderExcluir
  6. sinistro o relato...mto sinistro!!! nunca fui traido mas infidelidade me faz ficar com muita raiva...isso só é a prova que estou no caminho certo. me apegando com Deus e buscando meu desenvolvimento pessoal e relationship strike nessas vadias!!!

    ResponderExcluir
  7. Pensei que eu não ia ver nada de sinistro até chegar na parte que ela senta no colo dele

    Caralho mano

    ResponderExcluir