Até que ponto a mente humana suporta ouvir absurdos?

Abri este tópico por causa de um vídeo do Olavo. Em uma parte do vídeo, ele comenta algo mais ou menos assim:

"Quando alguém se vê diante de um absurdo, a pessoa tende a resistir ao máximo para aceitar tal absurdo. Só que a mesma pessoa, quando for exposta a outro absurdo, terá uma resistência mental menor que da primeira vez que foi exposto a um absurdo. A cada novo absurdo, a resistência da pessoa será mais e mais minada. Chega uma hora que a resistência da pessoa ao absurdo é eliminada, e a pessoa passa a aceitar qualquer merda"

Postei o vídeo no blog, se alguém quiser assistir.

Ele falou isso por causa de absurdos como o aborto, o homossexualismo, pedofilia, vitimismo negro, etc. Segundo o Olavo, quanto mais as pessoas são expostas a estes absurdos, menor vai ficando a resistência mental ao absurdo, chegando ao ponto em que a pessoa aceitará qualquer merda que disserem.

Eu acredito que essa teoria da resistência ao absurdo do Olavo tem um erro. 

Quando falamos de pessoas com a bússola moral avariada, isso é, manginas, matrixianos, modernetes, etc., a teoria do absurdo até faz sentido. Estes indivíduos, realmente, tenderão a aceitar cada vez mais os absurdos impostos pelo politicamente correto até chegarem a um ponto em que se tornarão zumbis! Neste ponto, serão facilmente manipuláveis para qualquer fim escuso.

Só que a teoria falha quando as pessoas em questão têm valores morais sólidos. Para mim, a resistência mental de uma pessoa moral não cai. Mesmo que a pessoa seja exposta a todo tipo de absurdo, ela continuará achando aquilo repugnante e imoral! Resumindo: é impossível manipulá-la, a menos que os valores morais daquela pessoa sejam quebrados.


Jack Sparrow complementou:


Já tinha ouvido isso.

Foi um professor de história esquerdinha na 8ª série há uns 11 ou 12 anos atrás.

Os absurdos são jogados tão absurdamente pra minar sua resistência a outros absurdos posteriores. Quando ouvi o Olavo de Carvalho falando isso lembrei imediatamente do professor esquerdinha dizendo.

Provavelmente isso é de algum "manual de doutrinação da esquerda" ensinando a boçalizar as pessoas.




1 comentários:

  1. Não tinha pensando por esse lado, e não deixa de ser verdade.

    ResponderExcluir