As Dez Virtudes do Homem nos Relacionamentos


Manter um relacionamento estável num mundo de Sombras femininas libertas e uma sociedade subvertida pelo domínio delas, pode ser extremamente desafiador, praticamente impossível para alguns. O homem comum, iludido pelo amor romântico e outras belas mentiras, é fatalmente levado a sua ruína em relacionamentos, mas os esclarecidos pela Real Face dos Relacionamentos podem encontrar nas obras de seu Codificador, Nessahan Alita, orientação fundamental para que possam ter alguma chance de prosperar, convivendo próximos a uma mulher, na intenção presente ou futura de constituir com ela uma unidade familiar sólida. Seguem as principais qualidades necessárias, na visão deste autor, para o homem mereça seu título de gênero, logo, sendo um bom chefe de família:

1) É senhor de si mesmo;
Um homem que quer ser um chefe de família eficiente deve, antes de cogitar manter a Sombra de sua mulher sob controle, manter o controle sob si mesmo. Atende a suas necessidades naturais, sem ignorá-las, mas sabe o momento e a forma mais apropriada de atendê-las; desta forma, consegue até mesmo adiar sua gratificação sexual, se ouverem outras prioridades a serem atendidas. Da mesma forma, não cede a provocações e manipulações femininas, sem se enfurecer, encerrando eventuais jogos e manobras da mulher de forma direta e definitiva. Sua lógica é o determinante final de suas ações, não seus impulsos e sentimentos.

2) Tem total percepção de seu valor pessoal;
Um homem que deseje cumprir de forma absoluta seu papel no mundo, deve compreender seu inestimável valor na ordem das coisas. Como sabe que é o responsável pelo sucesso de um relacionamento, só aceita entrar em um se a mulher se comprometer completamente com os direitos que cabem a ela cumprir em relação a ele, sem abrir mão de nenhum item. Se ela corresponder com seu papel, ele saberá recompensá-la com seu melhor, mas se considerar que ela não mais merece sua atenção, vai embora sem olhar para trás, pois sabe que é perfeitamente capaz de conseguir uma mulher de predicados muito melhores que a atual. Ele sabe que ele é o prêmio pelo qual a mulher deve fazer por merecer, e não o contrário, e que se a relação terminar, que a prejudicada foi ela.

3) Exerce uma autoridade sólida e inquestionável;
Um homem é o pilar de sustentação de um relacionamento, e deve ser inabalável em seu posicionamento. Ele aceita as opiniões de sua mulher quando as solicitar, e se necessitar de informação complementar, e só reconsidera suas opiniões se a mulher provar irrefutavelmente seus erros de julgamento. É dominante em suas relações, para o bem de todos os envolvidos. Ele não pede permissões a sua mulher para agir ou decidir: ele comunica e ordena, porém se exime de coagir a mulher a obedecer, limitando-se a informar consequências e eventuais punições decorrente da desobediência. Como não se recusa a pagar o preço de seus erros, que reconhece de forma curta e direta, sem humilhações, não divide com mais ninguém o manto da liderança de sua casa.

4) Tem postura, comportamento e ações equilibradas;
Assim como sabe que deve cultivar a firmeza, entende que sua ponderação e equilíbrio são essenciais para si mesmo e os que dependem dele. Quando sua mulher e dependentes se comportam bem, de forma carinhosa e zelando pelos seus deveres, retribui esta atenção e até o carinho, premiando esta postura sem excessos ou sacrifícios. Quando os que dependem dele são irracionais e se comportam mal e de forma rebelde, esclarece os erros e os pune igualmente sem excessos, sem rancor, mas sem hesitação. Tal homem não se cristaliza nem no carinho subserviente, nem na aspereza rude.

5) Fala e se comporta de forma comedida e séria;
Um homem convicto de seu papel como líder protetor não desperdiça recursos, e isto inclui sua palavra e seu humor. Se envolve em conversas quando o clima lhe é agradável e a conversa lhe é relevante, sem tagarelices ou socialização forçada. Da mesma forma, não se coloca em papéis e situações ridículas por ninguém ou mulher alguma. Quando ri ou é engraçado, seu riso é sincero e comedido, e seu humor não lhe humilha, sendo valorizado pela sua mulher justamente pela sua raridade. Tal homem deixa que a seridade natural de seu comportamento seja o atestado do quanto é confiável e nobre.

6) É emocionalmente firme e decidido;
Um homem dentro ( e até fora ) de um relacionamento mantém e cultiva sua fortaleza de vontade. Não expõe ou discute suas fraquezas para sua mulher, em momento algum, solucionando sozinho e de forma silenciosa seus momentos de vacilação e carência. É transparente em suas ações, e discreto em seus motivos para agir. Mantém sua intimidade emocional apenas para si. Não se comove com sentimentalismos baratos e lágrimas falsas, embora aja de forma protetora e zelosa diante de sofrimento verdadeiro, que sabe perfeitamente identificar.

7) É naturalmente atraente e viril;
Um homem na chefia de sua mulher deixa fluir naturalmente sua atraência e virilidade, sem restringi-la nem forçá-la. Investe em seu físico e sua aparência na medida de seu valor pessoal, fazendo de seu corpo e sua aparência ferramentas sempre afiadas e um perfeito reflexo de seu contínuo aperfeiçoamento. Assim como quando era solteiro, não fazia sobresforços para agradar a mulher alguma, não precisando de cantadas baratas para ser atraente, não esconde, quando num relacionamento estável, sua beleza e hombridade para atender as inseguranças irracionais de sua mulher. Similarmente, assim como adia o sexo se for necessário, quando se entrega a sua libido, o faz de forma selvagem e dominadora, extasiando sua fêmea com seu explosivo desejo por ela.

8) Valoriza com justiça o outro;
Um homem chefe de seu lar não dá mais nem menos do que é necessário, e isto inclui atenção. Ele não se dedica continuamente a pajear sua mulher, vigiando seus passos de forma ocasional e discreta. Como se dá o valor, não desvia a atenção de seus necessários afazeres para atender a conversas sem sentido, carinhos importunamente solicitados, ou pedidos descabidos de sua companheira. Quando atende as necessidades de sua mulher e de seu lar, o faz sem distrações ou interrupções desnecessárias. Tal homem é completo, íntegro e comprometido com a ação e todas as pessoas envolvidas nela.

9) Cultiva a proatividade e a variabilidade;
Um homem zeloso de seu relacionamento não permite que problemas domésticos se acumulem. Como é cuidadoso com o lugar onde vive, identifica necessidades e as soluciona antes de ser advertido de sua existência. Sabe que nem sempre soluções antigas resolvem problemas novos, e que permitir que a mulher identifique seu modo de agir dá poder para a Sombra dela; desta forma, busca agir de forma planejada e imprevisível, atestando com seus atos que está em constante melhoramento de si mesmo, em seu benefício, e de quem depende dele.

10) Direciona suas relações de forma firme e protetora.
Um homem digno de seu papel numa família, dirige sem questionamento, mas buscando o bem de todos. Sabe das inseguranças e vacilações das mulheres, então não se esquiva de ajudar, orientar, cuidar, proteger e guiar tais mulheres, que lhe foram confiadas pela sua família de origem, ou a que gerou em seu eventual casamento. Atende as justas necessidades delas sem reclamações, sem ser solicitado previamente, e de forma prazerosa. Sabe em seu íntimo que elas, fundamentalmente (mesmo sua companheira) só são felizes ao lado de um homem quando tratadas como meninas pequenas, carentes de sua força, decisão, julgamento e orientação. Elas estariam perdidas e desorientadas sem ele, e executa este sagrado dever de liderança ciente que ele é a força última que mantém o mundo girando.

O homem que cultiva tais virtudes pode não garantir uma relação duradoura e isenta de rompimentos, mas estará totalmente ciente de que seu relacionamento o tornou um homem melhor para o que vier no futuro... e não o tornou um pálido e estilhaçado reflexo do que já foi.

Referências:
ALITA, Nessahan (2005). A Guerra da Paixão: As Artimanhas e os Truques Ardilosos das Mulheres no Amor. In: O Sofrimento Amoroso do Homem - Vol. III. Edição virtual independente de 2008, pg. 69 - 79.

2 comentários: