RELATO - Desconfiei da "moça" e tirei a prova real

Por Desconstrutor2011


Amigos de fórum, sou novo por aqui, mas já tenho certo tempo de estudo de NA. Passo aqui para deixar um relato que pode servir de alguma forma para vocês, caros amigos. 


Conheci uma jovem mulher (ela 23 anos, eu 25) e depois de uns 2 meses de algum compromisso percebi que a mesma despertava um alarme no meu instinto de homem. Ela parecia ser certa, mas algo me desconfiava. Não falava de ex, não era promíscua, trabalha, pagava suas contas e mesmo assim algo estava estranho para o meu faro...

Meu trabalho exige viagens e numa dessas eu falei pra ela que ficaria incomunicável por 3 dias (de sexta até domingo), mas na verdade eu tinha acesso à internet no hotel. Resolvi fazer um teste de fidelidade bem simples: na própria sexta criei um msn fake e a adicionei.

Ela deu corda para esse fake, dizendo inclusive que não tinha ninguém no momento (e eu hein?!), mostrando-se carente. Depois de um tempo citou meu nome, falando que era um caso sem importância, e ainda deu alguns dados pessoais e meu msn para o Fake (podendo comprometer minha segurança). O Fake fingiu me adicionar, pra ver como era o "corno" e ela topou numa boa (queria me humilhar).




Então ela marcou com o Fake num bar no domingo (eu já tinha voltado pra cidade - SP - mas ela não sabia) e de fato ela foi ao encontro dele (passei por ali escondido) e claro, o Fake não foi (na segunda ela me disse que saiu com as amigas). O Fake se desculpou com ela e já deixou marcado pra outra semana, o que ela aceitou prontamente.

Então na segunda-feira o Fake fala comigo no msn (eu com eu mesmo rs) e me fala que sou corno. Falo com ela no tel e ela nega tudo, claro. Mas em seguida digo que o Fake me passou o histórico da conversa e de repente todos os argumentos dela caem por terra e ela se diz arrependida.

Terminei no mesmo instante.

RESUMO: Confiei no meu instito e descobri que poderia ser vítima de uma mulher sem-noção, para não dizer outras coisas. Sugiro que o uso da internet seja feito de forma consciente para descobrir se a mulher que os senhores tem ao lado são boas pessoas.

Gostaria que os senhores opinassem sobre esse método.
Um grande abraço!

7 comentários:

  1. Respondendo ao Anonimo..

    Vai tomar no cu seu filho da puta. Que merda de história é essa de quem procura acha? Seu mangina do caralho, isso é coisa de mulher biscate que diz por que tem coisas a esconder.

    Seu burro o cara tem que procurar mesmo, se desconfia, sai fora. Instintos não mentem. Trouxa, paspalho, zé ruela do caralho, vai te fuder seu corno otário!

    ResponderExcluir
  2. Você mereceu, quem procura acha!! Quem já se viu criar um fake pra testar o parceiro? Se não confia, não se relacione...
    Aliás, me pareceu coisa de mulherzinha isso...
    Gay enrustido do caralho

    ResponderExcluir
  3. Hhaha, parabens man se livrou da biscate.
    Só não concordo com este negócio de usar a internet
    pra testar a pessoa. Se vc não confia, pé no cu dela.
    Pra quê ficar com uma que vc duvida se vc pode arrumar outra?

    ResponderExcluir
  4. mas tem homem que tem ima pra mulher ruim, credo

    ResponderExcluir
  5. serio que você pensa assim ? que quem procura acha ?
    você é um coitado cara, pobre do homem que confia cegamente em uma mulher e vice versa.
    confiança tem que ser merecida, tanto pelo homem quanto pela mulher, se algo nela te faz desconfiar você tem que ir atrás mesmo pra depois e o mais rápido possível para cortar o mal pela raiz caso haja algo de errado.

    E por fim, depois de tirar a prova que a pessoa realmente é o que você quer, esta vale pros homens, não seja apegado. Você pode amar ela com todas as suas forças, mas se esforce pra demonstrar o mínimo, ela tem que estar mais apaixonada por você do que você por ela senão seu relacionamento vai ser um inferno, mesmo que ela não seja uma vadia.

    então confrades, deixo um salve ao amigo que escreveu o texto, você esta no caminho certo, e aos outros espero que aprendam um pouco.

    ResponderExcluir