As 26 teses da abordagem - Parte 4

Cap II- A ABORDAGEM DE ALVOS CONHECIDOS

14- Um conceito muito importante é o de “amiga fonte”. A amiga em questão é uma importante fonte de alvos por ser bem aceita no seu grupo e por promover festas, além de sempre ser convidada. A amiga fonte ainda pode ser uma garota que não seja uma típica popular, mas tem um ciclo de amizades extenso devido ao seu carisma e por não despertar a inveja alheia por ser feia ou de aparência comum. Se não estiver interessado por ela, use-a como uma “amiga fonte”.

Obs.: As amigas fontes não devem ser usadas para outro fim, uma vez que se relacionar com elas pode esgotar sua fonte, dado a facilidade de você ter uma briga irreversível durante a relação.

15- Se por hipótese sua amiga não for uma amiga fonte e você estiver interessado nela, você já e um otário por ser tornar amigo de um alvo. Existem duas situações de abordagem para a situação descrita:

A) Você é um amigo recente e não a abordou ainda.
B) Você já a conhece por um tempo razoável... deixe o “B “para depois, falemos da letra “A”:

A1-O amigo é basicamente um indivíduo assexuado e nesse quesito você deve se transformar em algo sexuado a fim de atingir seu objetivo.

A2-Convide-a para programas entre amigos, já que você caiu na burrice de se tornar amigo. Não é aconselhável fazer um convite direto (programa a dois) a não ser que ela explicite seu interesse.

A3-O encontro citado em “A2” deve ser em um local privado, como a casa do fulano, um filme no telão da casa do fulano ou um jogo de baralho na casa do mesmo fulano seria o ideal.

A4-Como o alvo está sendo testado, a linguagem corporal deve ser explorada de forma “amigavelmente maldosa”. Abrace-a inicialmente como o amigo otário de sempre. Lembre-se que seu interesse não deve ser verbalizado. Massagens nos ombros ou nos pés costumam despertar a libido feminina mesmo que de forma sutil. Se após algum tempo de massagem ela não virou o rosto ou não fez menção de aproximar a boca da sua, você está sendo usado novamente e ela “estará aproveitando de você” eternamente assim como as empresas de tele marketing. Dessa forma, você deve interromper a massagem imediatamente e dar alguma desculpa do tipo: “vou à cozinha” ou “vou ao quarto do fulano fazer uma ligação” e demorar bastante por lá. Se o alvo tiver despertado diante do prazer que lhe foi proporcionado e brutalmente interrompido, certamente procurará por você.

A5- A sua sensação de vitória interna com a chegada da garota no local não deve ser esboçada verbalmente ou visualmente. De preferência (se caso for possível) finja que não a viu se aproximar ou entrar no local. O fato de a presença dela ser inesperada oculta suas pretensões, o que é fundamental no processo.

A6- O alvo, ao perceber sua “distração”, lhe chamará pelo nome (1ª situação), aproximará de você (2ª situação), ou irá te abraçar (3ª situação). Na 3ª situação não é necessário verbalismos inúteis, o que exclui a utilidade real desse item. Pegue logo essa garota sem rodeios! A 1ª e a 2ª situações devem ser convertidas na 3ª por iniciativa sua. Em ambas, desenvolva um diálogo hipócrita do tipo:
“Não estava gostando do filme?” ou “desistiu do jogo de baralho?” A resposta do alvo provavelmente será:
“ Tava ruim lá” ou “vim aqui ver onde você estava”, ou ainda pode ser uma desculpa do tipo: “ vim beber um copo d'água”, “vim fazer uma ligação lá pra casa”; em linguagem animal isso significa: “me agarra logo de jeito!”

A7- O alvo poderá esquivar de suas investidas labiais ,que ,por sua vez, devem ser insistentes e acompanhadas de uma mão apoiada na nuca ou nas costas dela com o intuito de diminuir as chances de escape.Algumas frases ordinárias surgem no momento em questão: “não podemos fazer isso” ou outra análoga “não podemos fazer isso, tenho namorado” Tradução: “continue me agarrando seu safado, adoro quando você me aperta assim sem pudor.”
“Nossa, aqui todo mundo vai ver” (reaja puxando a garota para o local mais próximo e menos visível).
“Você não era assim” - Tradução: continue o bote.
“Você é um tarado” - Tradução: não interrompa o abate.
Durante o bote, enquanto a vítima não é finalizada e você é obrigado a escutar essas frases adiadoras do prazer, continue as investidas até finalizar a operação. Você deve afastar somente se for fortemente rejeitado, e digo fortemente pelo fato de ser comum uma resistência inicial, dada a sua posição de novo amigo do alvo.

A8- Após ganhar o troféu, não haja como um animal selvagem tentando passar a mão forçosamente, afinal, você é um otário que ficou amigo do alvo. A transição da assexualidade para algo provido de sexo deve ser gradativa. Sobre seu amiguinho cabeça-dura e aparecido, não se importe com ele, a garota certamente sentirá sua presença repentina e achará bem vinda. A forma ativa do amiguinho é uma prova explícita da satisfação física do dono e, portanto, uma presença lisonjeira para a garota.

A9-Ao voltar com o troféu para a convivência pública seja frio e indiferente, mas se mantendo próximo. Se você tentar beijá-la ou abraçá-la para exibir sua vitória poderá ser rejeitado e, dessa forma, desvalorizado. Caso o alvo queria te exibir para o público desconfiado do seu sumiço, você será solicitado e aí sim deve aceitar sem ser grudento.

B) Você a conhece há muito tempo e já é completamente assexuado: Meus pêsames. O seu atestado de otário já foi consolidado e em sã consciência sua amiga não vai liberar nada. Eu disse em SÃ CONSCIÊNCIA, portanto, só existe uma arma para que a situação seja reversível: boas doses de cerveja e destilados.Aliás ,essa poderosíssima arma deve ser testada antes mesmo que você recorra a esse manual.

0 comentários:

Postar um comentário