As 26 teses da abordagem - Parte 1

Por Ho Chi Minh

Cap. 0- A abordagem
° O processo de abordagem é um grande abismo para os manés. Dedico esse manual a todos que não conseguem atravessar esse imenso abismo e para aqueles que já o atravessaram e desejam ler para rir um pouco, enfim, leia se quiser mesmo. Odeio dedicatórias...

DOS ESTÁGIOS DA EVOLUÇÃO MASCULINA

O homem, durante sua vida amorosa, percorre alguns estágios de amadurecimento até que consiga atingir relacionamentos estáveis com freqüência. O primeiro estágio talvez seja o mais chocante. O indivíduo que mandava cartinhas amorosas, dava telefonemas e falava palavras doces (por hipótese atitudes sinceras) consegue se erguer das trevas e perceber o quão ridicularizado foi no universo feminino em virtude de sua sinceridade casta. Os meios para sair das trevas são diversos; desde uma simples observação dos fatos e de suas experiência pessoais, alguma discussão virtual como comunidades no orkut que abordam o assunto; ou o meio mais comum e eficiente de todos: levar porrada até conseguir se erguer sozinho. No primeiro estágio, o indivíduo bitolado e massacrado atinge um estado de consciência nunca experimentado antes e é capaz de detectar seus erros crassos. Fazendo referência direta aos teóricos internautas, o primeiro estágio é a saída da “Matrix”.

O segundo estágio não é dotado de tamanha revelação, apesar disso, é tão importante quanto o primeiro por ser a transição entre a iniciação e o efeito prático da transformação (terceiro estágio). Descrevo o segundo estágio como a fase “radical”. O sujeito acometido é tomado por uma intolerância excessiva e incontida de garotas manipuladoras e cruéis. Por seu estado de desequilíbrio, o sujeito é levado ao extremismo quando revela sua opinião sobre fatos revoltantes de mulheres narcisistas e arrogantes que humilharam seus admiradores. Além de tais sintomas, o homem apresenta uma nítida dificuldade em dar uma cantada ou se aproximar de uma garota com o receio de que seja humilhado ou responsabilizado por alguma atitude incontrolável em reação à resposta grosseira do alvo.

Finalmente, o terceiro estágio é o da elevação espiritual. O individuo é capaz de converter o sentimento primitivo da raiva (primitivo, mas necessário) em compaixão, ou, vulgarmente falando, dó. Ter dó de garotas cotadas, mas que sejam agressivas e espiritualmente vazias, define o estágio de hiperconsciência masculina. Outro motivo justo para se ter compaixão dessas pobres moças é o fato de uma horda de bajuladores babões as bombardearem com sua carência infantil 24h por dia. Imagine-se com aquele ciclano do colégio ou da faculdade que você conversava por ter pena e o mesmo regia ficando na sua cola e te incomodando no corredor, essa é a sensação!

Ainda nesse estágio, o sujeito está apto a camuflar seus impulsos e ser completamente frio nos momentos de precisão. A frieza, porém, não deve ser confundida com a falta de desejo, pois essa é apenas emocional e tem a função prática de manter sua vida sexual. Você estará, portanto, acima do bem e do mal, acima das paixões que o induz às repulsivas atitudes românticas. Defino atitudes românticas não só como ser um baita grudento de carteirinha, mas também homens que discutem aos gritos com garotas e dão importância a essas discussões e, é claro, homens que têm ciúme extremado de suas fêmeas e deixam transparecer isso. Se você teve sucesso até aqui e atingiu o nível três, deixemos de teorizar... “I wanna play a game!”

Regra de ouro: Arriscar-se é preciso.

Cap I- A ABORDAGEM DE DESCONHECIDAS

1- A linguagem corporal é um fator decisivo na sua vitória durante a abordagem. Estar sempre ereto ao andar e olhar para frente demonstra auto-confiança.


2- Um olhar pode ter um poder desconcertante sobre o alvo. Ao olhar para uma garota, com um pouco de sorte você pode ser bem correspondido com um sorriso ou uma expressão convidativa semelhante. Porém, olhar demais e várias vezes para ela revela sua insegurança e frouxidão.


3- Multidão em movimento: Durante um fluxo de pessoas muito grande, o tempo de avaliação e reação do alvo em relação a você é muito curto, devido à impossibilidade de parar uma multidão que te força a prosseguir. Nesse tipo de situação, ao encarar seu alvo, esse corresponderá te observando e logo após olhando para o lado oposto (rejeição explícita); ou o alvo te avaliará, olhará para baixo por alguns segundos e tornará a te olhar (possível aceitação). Nesse caso, utilize um dos métodos de abordagem que serão explicitados logo a seguir (no caso de multidões, provavelmente o método da asfixia).

0 comentários:

Postar um comentário